Conforto atmosférico - Atmocare!

Atmocare

Qual o impacto que a má qualidade do ar tem no nosso conforto e na nossa saúde?

A má qualidade do ar tem vários efeitos negativos no nosso bem-estar pessoal. Partículas finas microscópicas no ar poluído podem viajar profundamente para os nossos pulmões. Eles irritam o tecido, causam inflamação e agravam quaisquer problemas existentes no sistema respiratório e circulatório. A exposição a partículas finas pode prejudicar a respiração e aumentar o risco de asma, derrames, ataques cardíacos e outras doenças graves. As pessoas mais vulneráveis ​​aos efeitos da poluição por partículas finas incluem crianças e idosos. Além disso, a alta qualidade do ar interno não limita apenas os impactos negativos à saúde, mas também melhora a nossa concentração, sono e a qualidade de vida.

Tipos de poluentes

A Agência Ambiental Europeia lista três categorias de poluentes internos, os quais podem causar sérios problemas de saúde com exposição prolongada:

Poluentes de combustão

Estes são gases ou partículas invisíveis, como o monóxido de carbono e o dióxido de nitrogênio (NOx), e estsão mais comumente relacionados a forma como aquecemos os nossos espaços internos. Estes poluentes podem ter origem em materiais de combustão, aquecedores de ambiente, fogões a lenha e fogões a gás, aquecedores e aquecedores de água, todos os tipos de secadores e lareiras. Uma boa ventilação pode reduzir bastante o nível de poluição por combustão. Outros fatores que podem afetar o impacto de poluentes de combustão incluem a instalação adequada, a manutenção e o combustível para eletrodomésticos.

Compostos orgânicos voláteis 

Compostos orgânicos voláteis (COVs) são uma variedade de produtos químicos orgânicos que são libertados como gases a partir de sólidos ou líquidos. Muitos produtos domésticos comuns libertam compostos orgânicos voláteis, como produtos de limpeza, tintas, marcadores, colas, purificadores de ar, carpetes, produtos de higiene e muito mais. Alguns COVs comuns que esses produtos podem liberar incluem acetona, benzeno, etilenoglicol, formaldeído, cloreto de metileno e percloroetileno.

Desencadeadores de asma e alergias

Esta categoria inclui mofo, ácaros, pólen, fumo de tabaco e caspa de animais. A exposição a esses poluentes pode afetar-nos a todos, mas pessoas com alergias ou condições respiratórias são especialmente suscetíveis. O mofo comumente afeta casas de banho, porões e quartos mal ventilados, enquanto ácaros, pêlos e caspa podem ser encontrados em tecidos, no chão e nos móveis.

Como melhorar a qualidade do ar

Quando as coisas se tornam piores

Há várias maneiras simples de aumentar a saúde geral do ar quando as coisas pioram: adicionar plantas à sua sala de estar, manter a sua casa limpa com produtos ecologicamente corretos, trazer ar fresco com frequência abrindo as janelas e fazer verificações regulares de manutenção nos seus sistemas de ventilação e aquecedores.

Atmocare para melhorar a qualidade do ar

Na Weber, importamo-nos com a saúde e o conforto. É por isso que desenvolvemos soluções inovadoras para melhorar a qualidade do ar interior e exterior. Eles são baseados em tecnologias ativas que capturam, convertem e decompõem moléculas poluentes, como VOCs e NOx, enquanto permanecem ecologicamente corretas.

Eliminando o formaldeído

O formaldeído é outro dos principais poluentes do ar interno, emitido por móveis macios, móveis de aglomerados e produtos de limpeza. Novas soluções de gesso e pintura da Weber permitem absorver e neutralizar partículas de formaldeído, convertendo-as em compostos inofensivos.

Pode comparar até 4 produtos.
Compare